Friday, October 19, 2007

A Estrela de Ricky Martin


Enrique Martín Morales, mais conhecido como Ricky Martin, recebeu no passado dia 16 de Outubro a sua estrela no Passeio da Fama.
Este porto-riquenho com 35 anos que é um mix de cantor e actor; que ganhou o prémio de bebé mais lindo com poucos meses de vida; que cantava no coro da Igreja; que se estreou como actor no México na telenovela “Alcanzar una Estrella”; que foi nomeado Embaixador da Boa Vontade pela Unicef; que começou a carreira com 12 anos no Grupo Menudo; que quer adoptar e formar uma família de “várias cores”; que lutou contra o tráfico de pessoas e o turismo sexual; que cantou "La Copa de la vida" no Mundial da França em 1998; que recebeu a chave da cidade de Miami e encantou os jornalistas com uma piada incrível: “será que agora não vou ser mais multado por excesso de velocidade?”; que fez revelações sexuais picantes ao dizer que adora “banhos dourados” (pausa como o Homer Simpson) …Hum banhos dourados!
Onde é que eu ia?? Ah sim, Ricky Martin é agora a estrela número 2.351 de Hollywood Boulevard.
O mayor de Los Angeles, António Villaraigosa, afirmou que “Ricky Martin é uma estrela não só por viver a vida louca mas também por viver a vida generosa”. Ao que Ricky Martin respondeu “O meu trabalho tem sido unir culturas. Posso ser da América Latina, mas a música une o mundo.”
Concordo com esta estrela e acho que já era mais do que altura de Ricky Martin ser compensado pelo seu fabuloso papel no filme “Evita”. Juro que chorei quando ele cantou o “Dont cry for me Argentina”…E ele também estava espantoso no filme “Volver” do Pedro Almodôvar. Fiquei comovida naquela parte em que ele canta na esplanada…
(passado uma hora...)
Entretanto disseram-me que quem canta no filme "Evita" é o António Banderas e no filme "Volver" é a Penélope Cruz...Então porque raio Ricky Martin recebeu uma estrela no Passeio da Fama? Onde estão as verdadeiras estrelas à moda antiga como o Kirk Douglas a fazer de Spartacus ou o Macauly Culkin sozinho em casa? Hoje em dia basta ter um palminho de cara, saber abanar as ancas de modo sexy e ter uma sexualidade dúbia para se conseguir uma estrela no Passeio da Fama.
Será que o verdadeiro motivo por Ricky Martin ter recebido uma extrela foi por já ter 23 anos de carreira e 55 milhões de discos vendidos ou terá sido dos “banhos dourados”?

No comments: